Estudo semanal para 18 a 22 de Maio de 2020

IBOV



IBOV, traçando a partir do suporte dos 100.000 pontos quando foi perdido até o fundo deixado em meados de março, tivemos um pullback na retração dos 50% de fibonacci, coincidentemente, foi exatamente nesta mesma retração do gráfico diário que vimos depois uma nova onda corretiva.

A partir deste ponto, podemos ver os preços voltando a cair durante as próximas semanas. Deixei alguns pontos que vejo serem de maior relevância: 75.600, 72.000, 67.800 e 61.600 pontos, servindo como zonas de suportes.


PETR4



PETR4 começo o estudo a partir da perda do suporte dos 22,86, onde a partir de então tivemos o primeiro grande movimento corretivo. 

Tivemos então um pullback na retração dos 61,8% de fibonacci, e junto com a mm200 servindo como resistência. 

Com um candle vendedor deixado na semana passada e com o volume voltando a aumentar, a expectativa é de que os preços voltem a corrigir em onda C, podendo voltar a testar os 12,00.


VALE3



VALE3 teve também um forte movimento de pullback, assim como diversos outros papéis. 

Ainda em região de retração e tendo deixado um belo Doji (candle sinalizando dúvida), precisamos aguardar pelo próximo candle para saber que rumo os preços tenderão a caminhar, podendo seguir subindo para testar o topo anterior, ou, voltar no movimento corretivo.


ITUB4



ITUB4 após perder o suporte dos 31,80, fez uma grande pernada corretiva, parando para respirar por algumas semanas, parece estar formando uma flâmula de baixa, caso confirme o rompimento da mesma, poderá mirar a região dos 13,60.


SQIA3



SQIA3 após realizar o movimento de pullback na retração de 61,8% de fibonacci pelo gráfico semanal, temos então um grande candle vendedor, sinalizando a possível retomada de baixa.

Como este topo não foi capaz de superar o topo anterior, a expectativa é que poderemos ter um novo fundo, este podendo ser na região da mm200 inicialmente, mas, podendo se estender até o alvo nos 6,64.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Estudo Mensal para Fevereiro de 2020

Atualização de Janeiro da carteira 2020 do Shima