Postagens

Mostrando postagens de Fevereiro, 2020

[Atualização] 3a. semana de Fevereiro - Carteira 2020 do Shima

Imagem
Apenas para atualizar com o atual desempenho da minha carteira.

A operação de BRSR6 acabou sendo stopada

Rendimento até a semana passada: +6,72%

Estudo semanal para 17 a 21 de Fevereiro de 2020

Imagem
IBOV

IBOV teve um início de semana animado mas que não durou muito tempo. Com uma tentativa de superar a máxima da semana passada, vimos apenas isso, uma tentativa, pois ao se aproximar da região próxima da máxima da semana passada, forças vendedoras se mostraram mais fortes e com isso, as expectativas de termos novas máximas durante os próximos dias ou semanas vão ficando mais fracas.
Ainda com vendedores em cena e ameaçando perder a região de suporte dos 113.000 pontos, este, caso se concretize, abre espaço para buscar o alvo na região dos 110.800 pontos, inicialmente, pois continuará mirando uma correção mais forte rumo a região 106.630 pontos.
PETR4

Acredite você ou não na formação de figuras, não podemos fechar os olhos para a formação de um possível OCO no gráfico semanal de PETR4 (inclusive só fui ver agora durante este estudo).
Diante desta formação, para quem acredita em alta no papel, precisamos ver uma forte reação, tão forte que seja capaz de levar o papel a superar a reg…

Estudo semanal para 10 a 14 de Fevereiro de 2020

Imagem
IBOV

Para o IBOV eu havia deixado desenhado dois candles, um grande candle verde que indicaria a continuidade da alta e um grande candle vermelho que poderia indicar um movimento corretivo.
Pelo que vimos durante a última semana, as forças vendedoras acabaram prevalecendo num primeiro momento, por vários dias tivemos aberturas com gaps de alta e em seguida vimos os preços escorregando, sofrendo forte pressão por parte dos vendedores.
Deste modo, coloquei um X em vermelho para indicar que o cenário de continuidade de alta foi praticamente descartado.
O suporte da região dos 112.825 pontos num próximo toque pode não ser mais capaz de segurar os preços, o que levaria ao acionamento de um novo pivô de baixa, este com alvo projetado para a região dos 111.000 pontos e depois uma segunda região, onde acredito que esta sim, possa oferecer algum tipo de suporte mais forte, que seria entre os 108.000 e os 106.750 por onde passa a LTA desta grande onde que se iniciou em Junho de 2018.

PETR4

PET…

PARD3 - estudo diário

Imagem
PARD3 é um papel que venho acompanhando já há bastante tempo, e acabou chegar no objetivo que eu havia traçado, nos 32,62, logo em seguida o papel começou a demonstrar fraqueza na ponta compradora e o que vimos foi o início de um possível movimento de correção.

Tendo realizado a primeira perna corretiva e essa semana tendo realizado um pullback, ontem voltou a mostrar fraqueza e os vendedores já estão se aproveitando deste momento.

Pensando neste cenário, temos uma provável onda 3 de continuidade, na idéia de replicar 100% da perna A, numa perna C, o que projeta os preços até a região dos 28,08.

BBAS3 - possível pivô de baixa

Imagem
BBAS3 em zona de atenção pois existe uma possibilidade de perder o suporte da região dos 48,00, neste caso, o ativo terá um alvo projetado para a região dos 45,60.

A idéia seria replicar em 100% o tamanho da onda inicial que trouxe os preços dos 54,00 aos 48,00.

Estudo Mensal para Fevereiro de 2020

Imagem
IBOV




Janeiro começou animado, apoiado por notícias ou não, IBOV segue dentro de um grande canal de alta, porém com alguns pontos a serem observados.

Tivemos uma onda que partiu da região dos 70.000 pontos por volta de Junho de 2018 e teve uma correção lateral no tempo, para em seguida replicar a amplitude da onda anterior em 100% com sucesso.

Imaginando que o canal de alta corrente é este que consta no estudo, e o candle deixado pelo gráfico mensal, é algo que acredito que deva causar um certo calafrio naqueles que estão super alocados em bolsa, se fosse o meu caso, estaria tremendo com certeza, ainda bem que não é..

Precisamos sempre olhar os dois cenários, o de alta e o de baixa, até que a possibilidade de um deles seja totalmente anulada.

Olhando para cima, a favor da tendência, só volta a ganhar força compradora caso tenhamos a superação da máxima do candle atual de janeiro, ou seja, precisa super a região dos 120.000 pontos com um grande candle de força compradora e acompanhado d…